..::Alberto::..

E-familynet.com Ticker

..::Arthur::..

E-familynet.com Ticker

29 de janeiro de 2011

A família que nunca vou ter.

Lá venho eu com minhas lamentações!
No inicio desta semana estava pesquisando sobre book de gestante e acabei chegando ao trabalho dessa fotógrafa Regina (link aki para conhecer) , que trabalho lindo gente, ela realmente consegue captar o momento das pessoas.
Em algumas fotos fiquei emocionada em ver o amor no ar! E quando vi fotos das famílias, unidas felizes me bateu uma tristeza.
Ali estava o retrato da família que um dia eu idealizei. Sei que não existe perfeição, que todos os relacionamentos tem seus problemas, conflitos ... mas comecei q pensar na minha família, essa que estou construindo e percebi que esta muito longe de ser o que sonhei.
E que nunca vamos conseguir fazer fotos lindas como aquelas.
Meu marido não participa de nada, quando saímos todos juntos, ele fica sempre embirrado, quer voltar logo pra casa, não curte nosso filho, não joga bola, não ensina a andar de bicicleta, não empina pipa ... sabe essas coisas que os pais fazem com os filhos. Fico muito triste quando vejo meu filho pedindo a atenção dele e ele simplesmente diz que esta cansado ou coisa parecida.
Juro que entendo que ele trabalha bastante, que também quer ter momentos pra ele (tipo jogar toda segunda o futebol com os amigos, assistir os programas de tv preferidos...) mas onde tá os momentos com a família?!?! Porque nunca temos isso.
No feriado levei meu filho ao Museu, estava um dia lindo, no Parque da Independecia havia muitas famílias com seus filhos brincando, jogando bola, andando de bicicleta e só eu eu meu filho sozinhos, fiquei tão triste, queria ao menos algumas vezes ter uma "família normal". Mas já não tenho forças para lutar sozinha, então o melhor é parar de sonhar com algo que não terei, porque definitivamente quem esta perdendo é meu marido que não tá curtindo os melhores momentos da vida dos filhos.


Beijocas e desejo um fim-de-semana maravilhoso à vcs!

10 comentários:

Carol Liôa disse...

amiga, complicado né, o meu ñ bate foto comigo de jeito nenhum, bate com os outros, os amigos, mas quando eu apareço em foto, ele ñ faz nem questão d colocar no orkut junto com outras fotos dele.... eu ñ falo nada, fazer o q? obrigar.... o jeito e fingir q ñ se importa...... o book d gestante ele ate participou, mas sei q ele nunca vai mostrar p alguem... eu ja evito as fotos q ele aparece ja q ele evita as q eu apareço né.... é xato amiga... é muito xato, tb queria tanta coisa, coisas simples, mas, infelizmente se dependesse so da gente....

Karol disse...

Olá querida, o titulo do seu post me chamou atençao e eu vim ler...fiquei muito triste com seu relato e acho que posso dar um conselho por ter passado por isso durante toda minha vida.
Meu pai jamais participou ativamente de algum fato da minha vida, até em festinha de aniversário ele chegava atrasado e emburrado! Isso resultou em uma relaçao muito distante, nao temos muita intimidade...mas o amo muito e sei que ele também me ama!

Voce como esposa nao tem muito o que fazer, mas como mae, pode evitar esses momentos de tristeza na frente do seu filho... minha mae era assim e eu sofria pelo pai ausente, pela mae triste e por me sentir algo "infeliz" na vida deles...e isso nao é nada legal para uma criança!

bjoks

Giselle Mendonça disse...

Fica triste assim,não heim,lembre-se que estás mais sensível querida e tudo ganha um peso maior, já tentou falar com ele dar uma dica sobre seu filho, essa relação é tão importante,pai e filho.De qualquer forma seja forte e sorria tem um bebê aí dentro que precisa de sua paz e tranquilidade e vai ter assim como o mais velho todo seu amor.\bjs

Cristina Mosca disse...

É triste mesmo, mas pelo menos você tem!
Eu nunca tive que era criança e vou ficar sem ter, todo mundo tem muitos problemas tipo esse, é que nem todo mundo fala pra não sair do padrão "família feliz".

Ain, vi as fotos das roupinhas! Uma mais linda que a outra, mew!

Carlinha disse...

owm minha flor fque calma viu?

na gestação agente fica mais sentimental mesmo

tudo vai dar certo

bjoss

Felicidade disse...

Que triste flor, eu sei como é isso sempre idealizei também ter uma familia unida e tal.. mas posso te dizer que o só o amor de meu pai me fez me sentir feliz, e muito realizada... por isso se doe o melhor e o maximo que puder pra seu filho que com certeza ele sentirá amado e feliz mesmo que seja mas de um lado do que do outro...
espero que tudo fique bem e que tudo se resolva...
beiiijinhooos

Mayara e José Luiz disse...

Calma, não se desespere. Tudo na vida é fase, e talvez essa que vc está passando não é a das melhores. Ore a Deus e peça que ele dê sabedoria a seu esposo, mas amor. As vezes os estresses do dia a dia nos faz ficar frios e distantes. Mas o amor de Deus sempre nos ajuda a sermos melhor. E estarei orando por vc e sua família.

Leila... disse...

É realmente é complicado mesmo, vc ja conversou com ele ?
E vc gravida novamente...é bem dificil
bjs

Cláudia Leite disse...

Rô,

Realmente, quem perde tudo isso é ele mesmo.
Eu Tb queria que meu marido participasse mais, apesar que acredito que ele será um bom pai, mas como marido é que ele é mais ausente mesmo...
Também idealizo algo assim Rô... mas lembre-se que muitas família PARECEM felizes, há mulheres que seguram a barra sozinhas e ainda conseguem passar a imagem que tudo está bem.
Gosto do seu blog, de como expõe seus sentimentos sem medo, por vezes também comento sobre as coisas lá em casa. É que tem algumas amigas blogueiras que estão sempre tão "bem", parece que não passam por estes tipos de conflito.

Olha só, a loja baratinha é na zona leste mas é no FIM da zona leste tah?
Conhece São Miguel Paulista e Itaim Paulista? (fica á uns 40 minutos do Tatuapé- pela radial leste, depois Av. Pires do Rio).
A Loja fica na Av. Marechal Tito, altura do supermercado Assai (atacadista).
Se mesmo com essa distância toda vc não desistiu me avisa que pego o nome da loja... a nota fiscal tá em casa e não me lembro o nome....rsrsrs.


Bjão!

Cláudia Leite disse...

Oi Rô,
Tem um site da loja, fica mais fácil pra vc: http://www.babybello.com.br/

Vou fazer as compras da Isabella nessa loja até os 3 anos de idade.

bjo!